Musas de Tinta

z

A Sensacional Mulher-Hulk

A Mulher-Hulk é uma das minhas musas preferidas e foi criada pelo consagrado artista John Buscema e pelo mestre Stan Lee.

Ela é uma das heroínas mais carismáticas e importantes da Marvel. Infelizmente a Mulher-Hulk sempre foi considerada uma versão feminina bombada do Verdão, mas ao longo dos anos foi gratificante terem mostrado versatilidade na forma de retratá-la.

Nossa heroína surgiu em sua própria edição The Savage She-Hulk #1, no final de 1979.

Dizem as lendas que a Mulher-Hulk foi o último trabalho que Stan Lee fez no ramo dos quadrinhos. Ela surgiu devido a popularidade do seriado televisivo do Golias Esmeralda, pois achou que a produtora criaria uma heroína feminina pra telinha.

Isto poderia acabar com o licenciamento de uma versão feminina do Grandão nos gibis, então Stan Lee para não perder tempo criou a Mulher-Hulk.

Jennifer Walters é  prima de Bruce Banner, a qual se viam quando eram mais novos. Após ingressar na faculdade do Novo México Bruce perdeu o contato com Jen a situação ficou ainda pior quando entrou pro Exército pesquisando a Bomba Gama.

Enquanto isso Jen cursou a faculdade de direito formando-se com excelência e exercendo a profissão. Algum tempo passou até Bruce querer reatar os laços de família e foi visitar sua prima em Los Angeles.

Jennifer é filha do xerife e devido a um acerto de contas com seu pai foi alvejada por gângsters. Infelizmente ela estava em estado grave no hospital e precisava de uma transfusão de sangue.  Como seu sangue era compatível Bruce decidiu fazer a doação, mas devido a radiação Jen ganhou superpoderes transformando-se na Mulher-Hulk quando se irrita.

A nível de poder Jen “quase” se rivaliza com Bruce, pois possui num nível reduzido. Fora isso tem todas as suas características como grande resistência a impactos, força fora do comum, fator de cura e o principalmente imunidade a vários tipos de doença.

Um fato que sempre me chamou atenção na heroína é que enquanto Bruce vira um monstro destrutivo ela mantem sua personalidade e consciência quando se transforma. No entanto já aconteceu nos gibis da Mulher-Hulk perder o controle e agir igual ao seu primo.

Desde o início Jennifer teve grande satisfação em se tornar a Mulher-Hulk, tanto que mesmo capaz de voltar á sua forma humana, ela passou a manter-se como a amazona esmeralda.

A Mulher-Hulk já participou duas vezes na telinha em desenhos do Hulk (a primeira foi em 1982 e a segunda em 1996).

Em 1989, o artista John Byrne esteve escrevendo e desenhando a revista da heroína. Foi a melhor coisa que puderam fazer pra Mulher-Hulk, pois além de retrata-la de uma maneira mais sensual suas histórias ficaram engraçadíssimas. Havia um tipo de situação na qual a heroína conversava conosco e também com o próprio artista e isto ficou inesquecível pra mim.

A Mulher-Hulk  atuou nos Vingadores, grupo no qual aparece mais vezes, mas durante um curto período em que o Coisa se ausentou integrou o Quarteto Fantástico no lugar do rochoso. Jen até fez uma participação no desenho do Quarteto de 2004 essa versão  da equipe na época até que ficou interessante pena que durou pouco.

No quesito relacionamentos amorosos ela é bastante intensa, pois já dormiu na cama de vários homens. Sem levantar falsa polêmica ou querer ser moralista, mas pra mim ela é uma mulher bastante resolvida e faz da vida o que quer (ela está certa).

O chatinho do Starfox, foi o primeiro namorado dela que conheci. Ele era um vingador que usou de artifício para torna-la sua amante e quando ela soube ficou fula da vida com o espertalhão.

Também teve John Jameson, filho do irascível J. Jonah Jameson. Ele é um astronauta que ganhou poderes ao descer na Lua transformando-se no Homem-Lobo. E por influência do seu pai acabou virando inimigo do Homem-Aranha. Lembrando que John aparece no segundo filme do Cabeça de Teia interpretado pelo ator Daniel Gillies, como um pretendente a mão de Mary Jane (Kirsten Dunst).

Outro que teve o prazer de ficar com ela foi Tony Stark, porém o caso acabou quando ela soube que ele foi responsável por exilar Bruce no espaço.

O último que fiquei sabendo foi o Fanático, o brucutu é simplesmente um dos maiores supervilões da Casa de Ideias (um cara muito difícil de derrotar).

Só pra constar ela ainda tem em sua lista: Gavião Arqueiro, Hércules e ainda dava em cima do Wolverine.

Bom, nos anos 80 a Marvel queria produzir uma série da Mulher-Hulk nos mesmos moldes que havia do Golias Esmeralda. A atriz Brigitte Nielsen havia sido escolhida para interpreta-la, na web tem fotos promocionais na qual aparece toda pintada de verde, mas o seriado naufragou.

Por último o desenho Hulk and The Agents of Smash, surgiu em 2013. Sendo uma equipe comandada por um Hulk inteligente que trabalha pra S.H.I.E.L.D. Ainda na equipe estão outros personagens ligados ao Verdão como: Mulher-Hulk, Skaar, Bomba-A e Hulk-Vermelho.

Confira na galeria abaixo algumas imagens da Sensacional Mulher-Hulk

0 1-john byrne 2.1-john byrne 2-john byrne 3 4-elias chatzoudis 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15.1 15 16 17 18 19.1 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 Adam Hughes cedric poulat fantastic four Joe Jusko paulo siqueira power girl and she hulk Rogue-vs-She-Hulk she_hulk_squiggle_by_gr8twyt she-huk and rogue She-Hulk-brigitte nielsen wallpaper 0 wallpaper 1 wallpaper 2 wallpaper 3 wallpaper 4 wallpaper 5 wallpaper 6 wallpaper 7 wallpaper 8 wallpaper 9 wallpaper-greg horn wallpaper-Joe Jusko

Ober un evezhiadenn

Filed under Musas de Tinta

Lezel ur respont

Fill in your details below or click an icon to log in:

Logo WordPress.com

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont WordPress.com Log Out /  Kemmañ )

Google photo

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Google Log Out /  Kemmañ )

Skeudenn Twitter

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Twitter Log Out /  Kemmañ )

Luc'hskeudenn Facebook

Emaoc'h oc'h ober un evezhiadenn gant ho kont Facebook Log Out /  Kemmañ )

War gevreañ ouzh %s