Tag Archives: scarlett johansson

As Melhores Adaptações de HQs – Parte 3

capitão-america-2

Escolher os melhores filmes é uma tarefa ingrata, pois parte para o gosto pessoal de cada um. Na maioria das vezes o sucesso de bilheteria acaba sendo o termômetro para estes casos.

Mais chega de enrolação e vamos ao que interessa.

Capitão América 2: O Soldado Invernal – 2014

Fora o primeiro Vingadores que foi simplesmente inesquecível. O segundo filme do bandeiroso é um dos melhores de todos da Marvel que já vi.

A parte mais interessante no roteiro é ter trazido, Bucky de volta dos mortos. Algo que já havia acontecido nos gibis, na excelente fase do Ed Brubaker.

O primeiro Capitão América conseguiu reavivar o ícone de Steve Rogers como um herói que vive fora de sua época, praticamente, sua marca registrada mais famosa.

Nesta continuação, Steve (Chris Evans) está trabalhando pra Shield desde a invasão alienígena em Nova York. Quando Nick Fury é gravemente ferido pelo Soldado Invernal (Sebastian Stan) e aparentemente é dado como morto.

Havia um dispositivo com Nick muito importante para Alexandre Pierce (Robert Redford). A Hidra está disseminando o caos desde a Segunda Guerra Mundial e Pierce na verdade é um agente desta organização infiltrado na Shield.

Steve é caçado como inimigo público por causa deste pen drive. A Shield pretende adotar medidas punitivas para atos terroristas, mas adota alguns procedimentos que violam a liberdade e a segurança dos direitos civis.

E só pra piorar Steve é acusado de conspiração política sendo caçado como inimigo público por causa das informações contidas neste pen drive.

É aí que entram seus aliados a belíssima Viúva Negra (Scarlett Johansson) que além de sua parceira acaba se tornando uma amiga. E o Falcão (Anthony Mackie), um ex-militar paraquedista que teve quase os mesmos problemas pessoais que o Capitão.

Como curiosidade nos quadrinhos, Sam Wilson é o primeiro herói afro-americano da Casa de Ideias. Ele foi parceiro do Bandeiroso durante os anos 70 ou 80 se não me engano e atualmente é o novo Capitão América.

Na recente reformulação da editora conhecida como Marvel Now! Steve Rogers não possui mais em seu corpo o soro do supersoldado. Virando um senhor de idade e tendo que passar seu manto para o amigo, Sam Wilson.

Voltando, ainda temos Sharon Carter (Emily VanCamp) que ajuda nosso herói no momento certo. A Agente 13 é uma importante namorada do herói nos gibis e vira também um interesse amoroso no filme.

É chover no molhado comentar que Capitão América 2 é fantástico, mostrando cenas de combate de tirar o folego e algumas tiradas engraçadas pra aliviar o clima tenso da trama.

Só pra constar minhas cenas preferidas são quando o Capitão luta contra Batroc (George St-Pierre) no navio. Outra luta sensacional contra agentes no elevador. E quando o herói está fugindo da Shiled numa moto destrói uma aeronave usando apenas sua agilidade e o escudo.

Na famosa cena pós-créditos temos o Barão Strucker que comenta sobre a destruição da Shield. E vemos numa cela os gêmeos Pietro e Wanda usando seus poderes. Se você não lembra quem são está na hora de saber.

Pietro e Wanda Maximoff são filhos de Erik Lehnsherr, famoso Magneto, mestre do magnetismo. Nos gibis eles pertenceram inicialmente a Irmandade de Mutantes, mas depois de algum tempo se redimiram e entraram pros Vingadores.

Cena que nos conecta ao excelente Os Vingadores 2: A Era de Ultron.

homem-ferro-2008

Homem de Ferro – 2008

Nos gibis o herói nunca foi top de linha da Casa de Ideias, pois geralmente estava sempre jogado no segundo escalão.

Porém sua ousada adaptação foi a responsável por iniciar e também desenvolver todo o UCM. Graças ao seu sucesso tivemos as adaptações do Bandeiroso, Loirinho e Vingadores.

A transformação do playboy Tony Stark, um milionário industrial do setor de armas. Num herói que decide redimir seu passado sombrio se deve a marcante e também engraçadíssima atuação de Robert Downey Jr. que conseguiu nos divertir de maneira convincente.

Além de nos demonstrar a personalidade de TS e sua trajetória para se transformar no vingador blindado, ter a presença de Pepper Potts (Gwyneth Paltrow) e ótimos efeitos especiais.

Podemos notar que adaptou a versão que havia no Universo Ultimate pra telona. O negócio deu tão certo que a Marvel repetiu a dose com todos os personagens que vieram depois.

O primeiro Homem de Ferro se tornou um novo marco na forma de mostrar os super-heróis da editora no cinema. E pavimentou o caminho para ser a galinha dos ovos de ouro de Hollywood.

Durante a exibição da primeira cena pós-créditos que virou tradição nos filmes da editora. Vemos conversando TS e o coronel Nick Fury (Samuel L. Jackson) que comenta sobre a Iniciativa Vingadores.

Servindo para mostrar que o filme dos Super-Heróis Mais Poderosos da Terra viria realmente acontecer. Isso serviu apenas pra deixar os fãs na expectativa, atônitos e em polvorosa, até 2012.

As continuações foram decepções embaraçosas. No segundo filme após ter sua identidade revelada há uma imposição do governo para que TS entregue sua tecnologia (e pra piorar sua saúde não vai nada bem).

Como antagonistas temos personagens retirados dos gibis como Chicote Negro (bem interpretado por Mickey Rourke), o chato do Justin Hammer (Sam Rockell) e a ótima inclusão do nosso querido e engraçado agente Phil Coulson (Clark Gregg).

Homem de Ferro 2 (2010), mostra algumas boas cenas de ação, a estranha mudança de James Rhodes que era Terence Howard pra Don Cheadle e a ótima inclusão de Scarlett Johansson, interpretando a espiã Viúva Negra. Ela virou a nova musa queridinha de todos nós nerds ao redor do mundo por causa de seu inegável sex appeal.

Na cena pós-créditos o agente Coulson está no deserto do Novo México informando aos seus superiores que encontrou um martelo numa cratera. Trata-se de Mjolnir algo que nos ligaria ao filme do Deus do Trovão, em 2011.

Só pra fechar o terceiro é o filme que eu mais detesto (comentei aqui).

Sin_City

Sin City – A Cidade do Pecado – 2005

Adaptação do gibi homônimo criado e escrito por Frank Miller que foi lançado, em 1991 pela Dark Horse. A edição é aclamada pelo público e crítica obviamente por ser um trabalho autoral do consagrado Miller. Mais principalmente pela ausência de super-heróis em sua trama.

O filme tornou-se também um divisor de águas na forma de transportar personagens pra telona. Inovando ao mostrar cenários impactantes totalmente feitos em CGI retirados de forma meticulosa da referida HQ.

Na tela, Marv (Mickey Rourke) é um lutador de rua acostumado a levar a vida ao seu próprio modo. Estamos em Sin City, uma cidade cruel e sedutora repleta de mulheres instigantes, policiais nada confiáveis, ladrões inescrupulosos e diversos vigilantes desesperados.

Marv levou pra casa a prostituta Goldie (Jaime King), uma mulher que o fez sentir-se importante e único (infelizmente ela foi morta na sua cama). O ódio pelo acontecido faz que siga numa feroz perseguição por vingança.

John Hartigan (Bruce Willis) é outro que precisa acertar contas com seu passado (acusado de um crime que não cometeu). Protege Nancy Callahan (Jessica Alba), uma sexy dançarina que foi salva por Hartigan das mãos do Bastardo Amarelo (quando tinha 11 anos). O senador caça, Hartigan pelo que fez ao seu filho.

Sin City é um longa marcante pelo grande clima de filme noir, mas também pela extrema fidelidade da obra que foi adaptada. Tanto as cenas, praticamente, sem cores ou seja em preto e branco. Ou simplesmente pela exuberância das femme-fatales com lábios bem vermelhos (e também repleto de personagens inesquecíveis).

A história é caótica, instigante, violenta e envolvente na medida certa.

Então a espera por uma continuação ficou óbvia, mas tivemos que esperar quase 10 anos pra isso acontecer. Sin City 2 – A Dama Fatal não apresentou nada de novo e talvez isso seja a principal causa de seu inegável fracasso.

Chamou bastante atenção o pôster de Eva Green que mostra não somente a silhueta de seus seios, mas também sua esplendorosa nudez. Os americanos conservadores vetaram o pôster, mas a polêmica imagem rodou o mundo pela web.

Além da mudança que fizeram com Dwight McCarthy ao retirarem Clive Owen para Josh Brolin. A Dama Fatal é um filme que não decepciona ao nos inserir novamente no clima que havia no anterior de 2005, mas perderam bastante tempo pra leva-lo a telona.

Ava Lord (Eva Green) é a Dama Fatal do título que está extremamente sexy em sua atuação. Além de eu ter ficado fascinado em outros momentos tive ódio por ela ser tão manipuladora. É claro que as cenas de nudez ficaram ótimas, mas aquela da piscina como se não houvesse realmente água estava estranha.

A stripper sensual Nancy Callahan (Jessica Alba) ficou corroída pela vingança demonstrando tendências muito destrutivas em momentos chocantes. Temos até Lady Gaga fazendo participação especial.

O grande destaque pra mim foi Dennis Haybert (Manute), nosso eterno presidente David Palmer, de 24 Horas. Seu personagem parecia uma máquina incansável de destruição.

Outro personagem interessante é Johnny (Joseph Gordon Levitt), um jogador que abusa da sorte para ganhar dinheiro. Só que em sua ânsia pela grana se depara com o terrível e corrupto Senador Roark (Powers Boothe).

E pra ser sincero fiquei totalmente encantado com Jamie Chun (Miho), pois suas cenas de luta. Fizeram me lembrar da Psylocke, dos X-Men.

Sin City 2 consegue nos conectar a Cidade do Pecado, principalmente pela violência exagerada e ótimas cenas de ação.

Fim da terceira parte e relembre aqui a postagem anterior.

Advertisements

Ober un evezhiadenn

Filed under As Melhores Adaptações de HQs – Parte 3

Musas de Tinta

z

Vespa

Janet Van Dyne foi criada também por Stan Lee e Jack Kirby. Surgindo pela primeira vez no gibi Tales to Astonish #44, de 1963 (e seu nome de heroína é Wasp, no original).

Jan é uma famosa socialite, filha do renomado cientista Vernon Van Dyne, que infelizmente fora assassinado. Quando este fatídico momento aconteceu Jan foi pedir ajuda ao amigo de seu pai, o Doutor Hank Pym. Sem ela saber o doutor tinha uma vida heroica secreta agindo como o Homem-Formiga.

Devido a forma como Jan se expressava sua dor e pelo seu comportamento moral (e sensibilizado, porque também havia perdido sua esposa). Hank decidiu revelar sua identidade secreta e convidou-a punir os criminosos.

Criando então a partir de suas pesquisas biomoleculares algo similar com o que já usava. Jan pode encolher ficando do tamanho de um inseto e seu corpo ganha asas quando fica assim. Além disso ganha força sobre-humana e consegue ferroar seus adversários quando deseja disparando raios energéticos de suas mãos.

Após vingar a morte de seu pai, Jan gostou da vida heroica e passou então a fazer dupla com Hank. A amizade entre eles foi se transformando em amor e eles se casaram.

O casamento da Vespa foi publicado na edição The Avengers # 60, de 1969. Contando com a arte de John Buscema e roteiro de Roy Thomas.

O herói era o Jaqueta Amarela e o restante da equipe estava totalmente aborrecido por causa de sua decisão (que tinha um motivo que só ela compreendia).

Eles desconfiavam que Hank Pym havia sido deixado pra morrer por culpa do Jaqueta Amarela, mas todos sabemos que o Jaqueta foi criado por um distúrbio na personalidade de Hank. E também outro motivo seria o interesse dele na fortuna de Jan, pois todos desconfiavam que o Jaqueta estava interessado apenas nisso.

Pra tornar tudo mais doido o casório foi invadido pela equipe de vilões do Mestre do Picadeiro e seu Circo do Crime (atualmente vilões de quinta categoria da editora).

Sem saber de nada Jan recebia ajuda pros preparativos de Sue Storm e Crystal pra chamar a atenção dos leitores havia convidados ilustres como: Nick Fury, Homem-Aranha, X-Men, Quarteto Fantástico, Doutor Estranho, Demolidor entre outros.

A confusão começou quando a equipe de vilões começou a perturbar tudo mantendo Jan sob custódia, então Hank fica desvairado mostrando ser o Golias, pra mim é a mesma coisa que o Gigante (o herói teve mais de uma identidade heroica ao longo dos anos).

Quando acabou a confusão e os vilões foram derrotados,  Jan já desconfiava do ataque esquizofrênico de Hank e sabia que o Jaqueta era ele o tempo todo (uma história meio complicada, mas muito maneira e com aquele famoso final feliz daqueles tempos).

Bom, a popularidade das histórias da dupla foi o principal motivo para torna-los membros fundadores dos Vingadores. Foi Jan quem teve a ideia de nomear a equipe e nos gibis antigos ela era mostrada usando diversos uniformes.

Dai então aproveitaram que por Jan ser uma estilista vivia trocando constantemente de roupa.

A Vespa teve duas aparições nos desenhos da Marvel a primeira foi no desenho de 1999 que é ruim pra caramba e depois na aclamada versão Os Vingadores: Os Heróis Mais Poderosos da Terra.

Sua personalidade é muito envolvente demonstrando ser além de simpática, uma aventureira nata e adora implicar com Hank por quem nutre uma paixão (que mostrava ser aparentemente não correspondida).

Recentemente a heroína retornou dos mortos, pois durante a saga Invasão Secreta tinha ido pro além após ser enganada por um falso Hank Pym.

Na versão Ultimate Jan ficou meio diferente, pois tornou uma descendente asiática nascida com poderes mutantes. Além disso é uma bióloga molecular e mantiveram seu relacionamento com Hank Pym.

É justamente neste ponto que acentuaram o que já havia acontecido no universo tradicional, porque aproveitaram o período da instabilidade emocional de Hank e usaram para transforma-lo num safado que bate nela.

Bom, não me lembro em qual edição foi, mas teve uma dessas brigas na qual Jan foi hospitalizada bastante ferida e Steve foi tirar satisfação com Hank. Só pra encurtar mesmo Pym se transformando em Gigante o Capitão desce a porrada nele (tirou onda e foi muito sinistro).

Neste mesmo universo Ultimate teve uma cena de sexo protagonizada por Hank e Jan, na qual ele proporcionava prazer a ela em sua forma diminuta e depois escalava seu corpo que causou um certo rebuliço.

Outro cena também polêmica foi o Tufão, um vilão de quinta (que vimos no desenho), aparece batendo impiedosamente numa garota de programa vestida como a heroína (e depois o maluco ainda confessa que sente desejo por Jan, vai entender?).

Pra fechar teve um boato na web que a atriz brasileira Morena Baccarin estava cotada pra viver a heroína no filme dos Vingadores, mas ficou apenas nisso.

Pra mim já estava na hora de trazer Jan pras telonas se ousaram colocar a Viúva Negra que ficou muito bem interpretada e imortalizada pela bela Scarlett Johansson, porque não trazer a principal heroína da equipe?

Confira na galeria abaixo algumas imagens da lindíssima Vespa que pesquei na web

0-ant-man-and-wasp-1963 0-don-heck 01 1.0 1.1 1

asp

2 3 4 5 6 7 8 9.1 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 22 24 25 26.1 26 26-ultimate 27 28 29 30 31 32 33-wasp_black_dress_by_blackangel014 35-ultimate-wasp adam-hughes avengers-alan-davis avengers-arthur adams avengers-arthur-adams avengers-cliff-chiang avengers-Salvador_Larroca commission__the_wasp_corps_by_johnbecaro garret blair garret blair-ultimate_wasp garrett-blair greg_land j. scott campbell john byrne mario-chavez mike-choi mitch-foust morena-baccarin paulo-siqueira phil noto wallpaper 0 wallpaper 1 wallpaper 2 wallpaper 3 wallpaper 4

Ober un evezhiadenn

Filed under Musas de Tinta

Imagens

jeannie

Jeannie é um Gênio

Como curiosidade a série só surgiu devido ao sucesso de audiência que teve A Feiticeira com Elizabeth Motgomery, então a Rede NBC decidiu encomendar outra nos mesmos moldes.

I Dream of Jeannie é o nome original desta saudosa série televisiva que durou de 1965 a 1970. A série foi criada e produzida por Sidney Sheldon, um importante escritor americano com diversos livros traduzidos para o mundo todo (entre eles A Ira dos Anjos e Se Houvesse Amanhã que são os mais famosos).

Jeannie é um Gênio conta as aventuras do Major Anthony Nelson (vivido pelo saudoso Larry Hagman), um astronauta que em uma de suas missões pela NASA acabou caindo numa ilha e encontrando uma garrafa muito estranha. Ao abri-la por curiosidade descobre que dentro dela morava a bela Jeannie (Barbara Éden), um gênio que por gratidão fará todas as suas vontades.

E é aí que a confusão começa, pois a vida do major vira toda de pernas pro ar (quando Jeannie vai morar com ele).

Jeannie é cheia de boa vontade com seu “amo” tentando sempre ajudar , mas causa situações engraçadíssimas com sua mágica. Junto ao major Nelson há também Roger Healey (Bill Daily), seu amigo e fiel escudeiro que sempre o ajuda em diversas situações (tentando esconder a existência da Jeannie).

Acho que tudo seria bem mais fácil se não fosse a intervenção do Dr. Bellows (Hayden Rorke), um médico psiquiatra e sua intenção é provar que o major Nelson está louco. Principalmente por causa das coisas estranhas que acontecem ao seu redor, porém conseguem convencê-lo  que quem esta maluco é ele mesmo.

Uma das situações mais legais da série era ver aquela fumaça saindo da garrafa e Jeannie surgindo depois dela.

O grande sucesso da série além da música marcante, das situações totalmente estapafúrdias e personagens bem construídos. Sem sombra de dúvidas era a beleza de Barbara Eden que mesmo numa época em que a censura americana ainda era bastante forte. Jeannie aparecia coberta por diversos véus, mas mesmo assim conseguiu imprimir uma sensualidade em sua personagem que a tornou marcante no inconsciente coletivo dos telespectadores.

Em 1973, surgiu o spin-off de Jeannie é Um Gênio, que  foi uma versão em desenho animado produzida pela Hanna-Barbera. O que eu me lembro foi a inclusão do Babu, um aprendiz de gênio gorducho e bastante atrapalhado que fazia mil confusões.

Depois na web surgiu o boato que haveria um remake pra telona com direção de  Gurinder Chadha e que talvez a protagonista ficaria entre as atrizes Jennifer Garner, Kate  Hudson e Lindsay Lohan. Esta história vem rolando desde 2005, mas até agora não deu em nada.

O remake de A Feiticeira que apesar de ter a estonteante Nicole Kidman ficou muito abaixo do que deveríamos esperar transformando-se numa produção fraquíssima típica dos filme de Sessão da Tarde.

Ao longo das décadas seja na TV ou no cinema elas povoam nossa imaginação dando vida a personagens da cultura pop que as tornaram imortais.

Aqui temos diversas musas entre elas as clássicas: Carrie Fischer, a princesa Leia, Margott Kidder, a Lois Lane, Lynda Carter,  a Mulher Maravilha, Yvonne Craig, a Batgirl, Nichelle Nichols, a Uhura e Erin Grey, de Buck Rogers.

E várias outras que também se tornaram marcantes como: Scarlett Johansson, dos Vingadores, Laura Vandervoort, a Supergirl, Zoe Saldana, de Star Wars, Kristin Kreuk, a Lana Lang, Alice Eve, de Star Wars e Jessica Alba, do Quarteto Fantástico.

Confira na galeria abaixo algumas imagens de nossas amadas musas de verdade

 1-jeannie é um gênio-barbara eden

feiticeira-elizabeth- montgomery

a-mulher-bionica-lindsay-wagner barb-wire-pamela anderson batgirl-alicia-silverstone batgirl-yvonne-craig bird-of-prey-ashley-scott-is-huntress birds-of-prey-dina-meye-is-batgirl birds-of-prey-oracle-dina-meyer birds-of-prey-rachel-skarten-is-black-canary black-canary-alaina huffman-smallville black-widow-scarlett buck-rogers-erin-gray

uhura-nichelle nichols uhura-zoel saldana

carol-marcus-alice eve catwoman- anne-hattaway Batmans RŸckkehr catwoman-halle-berry charlies-angels 1 charlies-angels 2 daphne-kate-melton daphne-sarah michelle gellar Darna Marian Rivera 002 Darna-marian-rivera dejah-thoris-lynn-collins MSDBAFO EC008 electra-woman-and-dyna-girl elektra-jennifer-garner emma-frost-by-finola-hughesemma-frost-by-january-jones

ursaFaora-antje traue

 Isis-joanna-cameron jean-grey-famke-janssen kristin-kreuk -lana lang kristin-kreuk-chun li lady-sif-jamie-alexander lana-lang-stacy-haiduk lois lane erica durance Lois_Lane-margott-kidder lois-lane-kate-bosworth lois-lane-teri-hatcher maria-hill-colbie-smulders mística-jennifer lawrence mulher-invisível-jessica-alba

mulher-maravilha-Lynda-Cartermulher-maravilha-adrianne palicki  princesa-kitana-talisa-soto princesa-leia-carrie-fischer quorra-tron legacy-olivia wilde selene-kate-backinsale sidney-fox-tia-carrere

silk-espectre1-Carla-Gugino silk-espectre2-malin-akerman

sin city-jessica-alba sin-city

sonya-blade-bridgette-wilson Storm_halle berry supergirl-helen slater supergirl-laura vandervoort   Velma-Linda_Cardellinivelma-haley kiyoko

liz-sherman-selma-blair

wallpaper 1 Wallpaper-Angelina Jolie-Lara Croft wallpaper-Birds-of-Prey wallpaper-charmed wallpaper-jessica-biel-blade wallpaper-Kate-Beckinsale-Underworld wallpaper-mística-rebecca-romijn wallpaper-sarah connor wallpaper-Silk-Spectre-Watchmen wallpaper-storm-halle-berry

wallpaper-sucker-punch-mundo-surreal

wallpaper-Sucker Punch wallpaper-uma-thurman-kill_bill wallpaper-xena-warrior-princess

wallpaper-X-Men-Rogue

Ober un evezhiadenn

Filed under Imagens